Com a confirmação de novos casos diários de COVID-19 em Portugal, aumenta de forma muito significativa a procura de embalagens de gel desinfectante, máscaras de protecção e álcool nas farmácias da freguesia, a maioria das quais já registava rupturas de stock desde o final de Fevereiro, sem qualquer previsão do reforço de abastecimento deste tipo de produtos por parte dos distribuidores nacionais.

Alguns estabelecimentos questionados a propósito do aumento exponencial da procura dos produtos já referidos reportaram ter sido contactados por empresas e fabricantes a oferecerem máscaras a “preços exorbitantes”. Num destes casos, foi proposto à farmácia adquirir máscaras a 6 euros cada, sendo que o estabelecimento costuma vender embalagens com 50 unidades por 5 euros.

O açambarcamento de medicamentos está a fazer-se sentir nas farmácias da freguesia. Um farmacêutico afirmou que o ritmo das encomendas é tão elevado que nem sequer tem tempo para arrumar os fornecimentos, manifestando estranheza por esta atitude por os medicamentos estarem garantidos”.

Comente esta notícia

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.